sexta-feira, 20 de junho de 2014

Foi há precisamente 23 anos que Almeirim passou a ser cidade e Fazendas de Almeirim vila

Do Diário da Assembleia da República de 20 de junho de 1991

A Sr.ª Presidente: (...) Não havendo objecções, passamos então imediatamente à votação, na generalidade, na especialidade e em votação final global, dos projectos de lei relativos à elevação de vilas à categoria de cidade, que passo a enunciar
(...)
No distrito de Santarém: n.º 585/V (PS) - Entroncamento, no concelho do Entroncamento, 601/V (PS) - Almeirim, no concelho de Almeirim, e 676/V (PSD) - Ourém, no concelho de Ourém;
(...)
Submetidos à votação, foram aprovados por unanimidade.
(...) 
Aplausos gerais.
Srs. Deputados, vai proceder-se à votação, na generalidade, na especialidade e em votação final global, dos projectos de lei relativos à elevação de povoações à categoria de vila:
(...)
No distrito de Santarém: n.º 600/V (PS) - Fazendas de Almeirim, no concelho de Almeirim;
(...)
Srs. Deputados, vamos então proceder à votação, na generalidade, na especialidade e em votação final global, dos projectos que foram enunciados.
Submetidos à votação, foram, aprovados por unanimidade 
(...) Aplausos gerais, de pé.


Declarações de Voto:
Projecto de lei n.º 601/V (que eleva Almeirim a cidade)
O Grupo Parlamentar do PCP congratula-se com a votação que hoje se realizou aqui, na Assembleia da República, e que levou à criação de uma nova cidade ribatejana.
Almeirim, situada no coração do Ribatejo, a cerca de 80 km a noite de Lisboa e a 7 km de Santarém, na margem esquerda do Tejo, com uma população de cerca de 12000 habitantes, embora classificada como rural, tem ultimamente desenvolvido as suas características urbanas, com a criação de actividades industriais e comerciais. De facto, a propriedade rústica é rica, mas hoje em dia a zona urbana tem-se desenvolvido extraordinariamente.
Por outro lado, além da população residente, tem particular significado a população flutuante. De facto, além daquela que se desloca diariamente de e para os concelhos de Chamusca, Alpiarça, Coruche, Salvaterra de Magos e Santarém, há ainda a que passa em direcção a Lisboa e a que vem aos seus muitos restaurantes, clientes habituais da afamada gastronomia da região.
Finalmente, o Grupo Parlamentar do PCP tem a noção de que a nova cidade de Almeirim se encontra em marcha acelerada ainda para um maior desenvolvimento e deseja ao poder local e a toda a população as mais sinceras felicidades e êxitos nesta nova responsabilidade, para que sirva as suas gentes.
O Deputado do PCP, Álvaro Brasileiro. 
Página do Diário da Assembleia da República onde está a declaração do Deputado Álvaro Brasileiro (natural de Alpiarça e eleito pelo Distrito de Santarém) sobre a elevalção de Almeirim a cidade. 

Projecto de lei n.º 600/V (que eleva Fazendas de Almeirim a vila)
A votação que acabamos de fazer por unanimidade e que cria uma nova vila ribatejana, vila de Fazendas de Almeirim, vem ao encontro das aspirações das suas gentes.
O aglomerado das Fazendas de Almeirim, com uma população actual de cerca de 6000 habitantes e uma área urbana de aproximadamente 350 ha, teve a sua génese nos finais do século passado, como resultado de aforamentos nos terrenos limítrofes de dois latifundiários, Gouxa-Atela e Alorna, para fixação da mão-de-obra rural.
O PCP congratula-se por este nobre acontecimento aprovado hoje, dia 20 de Junho de 1991, e deseja ao poder autárquico as maiores facilidades e êxitos nesta nova responsabilidade, de maneira que sirva os reais interesses da população.
O Deputado do PCP, Álvaro Brasileiro.

Fonte:
Diário da Assembleia da República, de 20/06/1991, publicado a 21/06/1991, pág. 3234 a 3346.